Idrigba no Tertulia Castelense, 23h. 5€ com direito a bebida.

Taberna da Cabeça do Pote: RECOMENDADO

Numa antiga escola primária, no que agora é o Centro de ciclo turismo de Frazão, Paços de Ferreira, surge-nos esta preciosa Taberna do Cabeço de Pote.



Indo do Porto em direcção a Felgueiras pela A42, sair na saída Frazão-Paços de Ferreira e depois, na rotunda, virar à esquerda; seguir cerca de 800m - passando por umas quantas fábricas/lojas de móveis e umas bombas de gasolina do lado direito - e, do lado esquerdo, surgirá o edifício, que indica apenas “Centro de Cicloturismo de Frazão”. Entrar – tem estacionamento privativo e... escolher:


 Bacalhau (parecido com o famoso "à Zé do Pipo", aqui ilustrado ... mas sem o seu inspirador odor e ainda menos capaz de transmitir aquele gostinho...!);


 pernil (carninha de primeira...),


 Cabrito (preparado de modo a minimizar os excessos desta carne peculiar)


 Polvo (dizem que é uma especialidade...)


 e/ou alheira (deliciosamente perfumada e com toque a picante, acompanhado com umas maravilhosas batatinhas assadas também elas com travo picante...).


À sobremesa, além de frutas, bolo de figo, tarte de chila (muito próximo do "toucinho do céu") e um original e muito bem confeccionado bolo de cenoura com cobertura de chocolate negro...


Tudo bem regadinho por um Cadão Reserva 2005 – que se consome a gosto e era o mais caro da lista (9,5€) mas ainda assim, no fim, uma conta menor do que o preço de uma só dose na maior parte dos restaurante do Porto ou de Lisboa (nota máxima no critério


Aberto há pouco mais de um mês, com um fogão de sala a amenizar a sala nestes dias frios e chuvosos, um atendimento familiar e que não poderia ser mais acolhedor (os donos, a “chefe de cozinha” e o “chefe de sala”, estão receber-nos “em sua casa”!) e com acompanhamento musical* inesperado para estas bandas (ouvia-se música clássica ao almoço... e para o próximo domingo, dia 6 de Dezembro haverá música bossa nova ao vivo, bem como Feijoada à Brasileira e caipirinha...), é este poiso mais do que bem vindo! Por alguma razão a gastronomia tradicional é património em Portugal!


Não há, pois, dúvidas sobre o veredicto: FORTEMENTE RECOMENDADO!






Taberna da Cabeça do Pote: RECOMENDADO!

 

Numa antiga escola primária, no que agora é o Centro de ciclo turismo de Frazão, Paços de Ferreira, surge-nos esta preciosidade de que vos vamos falar, a: Taberna da Cabeça de Pote.

Indo do Porto em direcção a Felgueiras pela A42, sair na saída Frazão-Paços de Ferreira e depois, na rotunda, virar à esquerda; seguir cerca de 800m - passando por umas quantas fábricas/lojas de móveis e umas bombas de gasolina do lado direito - e, do lado esquerdo, surgirá o edifício, que indica apenas “Centro de Cicloturismo de Frazão”. Entrar – tem estacionamento privativo e... escolher entre:

- Bacalhau (parecido com o famoso "à Zé do Pipo", aqui ilustrado ... mas sem o seu inspirador odor e ainda menos capaz de transmitir aquele gostinho...! Uma nota: a foto é da ... dose mínima!);
- Pernil (carninha de primeira... uma surpresa...);
- Cabrito (preparado de modo a minimizar os excessos desta carne peculiar, estava bom, segundo os apreciadores e aqueles que até nem têm o dito bicho entre as suas iguarias predilectas...);
- Polvo (dizem que é uma especialidade, mas não foi a provas - apenas porque entre os 6 convivas ninguém o elegeu...) e/ou;
- Alheira (deliciosamente perfumada e com toque a picante, acompanhado com umas maravilhosas batatinhas assadas também elas com travo picante...).



À sobremesa, além de frutas, bolo de figo, tarte de chila (muito próximo do "toucinho do céu") e um original e muito bem confeccionado bolo de cenoura com cobertura de chocolate negro...
Tudo foi bem regadinho por um Cadão Reserva 2005 – que se consome a gosto e era o mais caro da lista (9,5€) mas ainda assim, no fim, uma conta menor do que o preço de uma só dose na maior parte dos restaurante do Porto ou de Lisboa (nota máxima no critério relação qualidade-preço!).

Aberto há pouco mais de um mês, com um fogão de sala a amenizar o ambiente nestes dias frios e chuvosos, um atendimento familiar e que não poderia ser mais acolhedor (os donos, o Sr. e a Sra. Valdigem - a “chefe de cozinha” e o “chefe de sala” - estão receber-nos “em sua casa”!) e com acompanhamento musical inesperado para estas bandas (ouvia-se música clássica ao almoço... e para o próximo domingo, dia 6 de Dezembro haverá música bossa nova ao vivo, bem como Feijoada à Brasileira e caipirinha...), é este poiso mais do que bem vindo! Por alguma razão a gastronomia tradicional é património em Portugal!




Não há, pois, dúvidas sobre o veredicto:
FORTEMENTE RECOMENDADO!

Vinho Portugues Premiado

O Socratico: Positivas (14)

As últimas... E uma recomendação...

O recentemente inaugurado restaurante vínico e espaço de degustação G-spot em Sintra, e o restaurante panorâmico Via Graça em Lisboa, mereceram (e mereceram mesmo!) visita recente, tal como a cervejaria Irene Jardim (Porto) e a Brasserie Mercy (Lisboa).

Os comentários não tardarão... E já agora um link útil...




O "obrigatório" da semana vai para uma exposição que decorre no Porto, na Casa António Carneiro (R. António Carneiro, 363, rua que une a Igreja do Bonfim e às escolas Pires de Limes e Alexandre Herculano) e na FBAUP (Jardim de São Lázaro/R. Rodrigues Freitas)